PSICOLOGIA PARA TODOS

BLOG QUE AJUDA A COMPREENDER A MENTE E OS COMPORTAMENTOS HUMANOS. CONSULTA-O E ESCREVE-NOS, FAZ AS PERGUNTAS E OS COMENTÁRIOS QUE QUISERES E COLABORA PARA MELHORAR ESTE BLOG. «ILUMINA» O TEU PRÓPRIO CAMINHO OU O MODO COMO FAZES AS COISAS…

CONTEÚDO DAS OBRAS

Este post, preparado por sugestão da última comentadora do post LIVROS DISPONÍVEIS, é dedicado à explicação resumidaBiblio do conteúdo das nossas obras que compõem a colecção dos 17 livros da BIBLIOTERPIA (Q).
Enquanto algumas foram indicadas nos posts,
Algumas das obras ainda não foram publicadas, mas à medida que o forem, serão mencionadas no post LIVROS DISPONÍVEIS, de 15 de Setembro de 2010, assim como na página de Biblioterapia no facebook.
Recomenda-se, por isso, que o leitor consulte as diversas publicações que o ajudarão a compreender melhor e a aplicar com precisão os conceitos apresentados, eventualmente utilizadas nos «casos» e nas «situações» mencionadas.

Em cada situação, quando se faz, por exemplo, menção a (E/32) fica automaticamente dito que vale a pena consultar a página 32 do livro Eu Não Sou MALUCO! indicado a seguir com a letra (E).

SAÚDE MENTAL, sem psicopatologia (A)Saude-B 
(Calçada das Letras, ISBN 978-989-95728-0-5)
A boa saúde mental é importante. Porém, a fim de a promover e preservar, é necessário conhecê-la e avaliar os perigos que enfrenta. Saber o que é a psicopatologia ou a «doença mental», descobrir as suas origens, causas, modos de reconhecer e diagnosticar e formas de a combater ou evitar, é o objectivo deste livro escrito numa linguagem muito simples. Destina-se a todos e especialmente aos que não teriam estes conhecimentos de outro modo, para se precaverem dum mal que pode ser evitado ou combatido se for prematuramente reconhecido.

ACREDITA EM TI. SÊ PERSEVERANTE! (2ª ed.) (B)Acredita-B
(Desequilíbrio psicológico? A autoterapia possível!)
(Centro de Psicologia Clínica, ISBN 978-972-725-029-5)
«Caso» do Antunes:
Antunes, funcionário muito competente numa instituição financeira, casado, com bom relacionamento conjugal, pai de uma filha, via-se a braços com o insucesso escolar dela, sem saber o que fazer.
O diferendo entre ele e a mulher (consulta de neurologia ou psicologia para a filha?), deixava-a permanentemente ansiosa, enquanto ele entrou em depressão, foi medicado, mas não continuou com a medicação por se sentir ainda pior quando a tomava.
Porém, um esclarecimento adequado, o «trabalho» dele com a filha para a ajudar nas tarefas escolares, a leitura de alguns livros e a prática de relaxamento e imaginação orientada, deram resultados mais do que satisfatórios fazendo com que até a harmonia e as relações conjugais melhorassem surpreendentemente e ele conseguisse arquitectar um plano de profilaxia para toda a família.
Quem «ganhou» com tudo isto foi ele, além da filha e da mulher. Enquanto fazia a sua profilaxia e a da sua própria família, o seu rendimento profissional melhorou, foi promovido e a vida começou a ter contornos mais agradáveis do que anteriormente.

Eu Também CONSEGUI! (C)Consegui-B
(Psicoterapia expedita e eficaz)
(Centro de Psicologia Clínica ISBN 978-972-725-028-8)
«Caso» da Cidália:
Relato da psicoterapia de uma profissional de Comunicação Social, com instrução superior e um bom nível intelectual e profissional. Foi-lhe dada uma ajuda mínima pelo psicólogo, mas existiu muito treino e força de vontade da interessada, que conseguiu deixar de se alcoolizar e de ter relações sexuais promíscuas.
No final da psicoterapia, durante a qual relembrou a vida social e sexual promíscua, inadmissível e incongruente dos pais, a Cidália não só conseguiu dar um novo rumo à sua vida académica e profissional, como se preparou para a constituição duma família com bases de sólido equilíbrio afectivo e emocional.

JOANA, a traquina ou simplesmente criança? (D)Joana-B
(Centro de Psicologia Clínica, ISBN 978-972-725-030-1)
Relato do caso de numa família em que «Joana», a principal protagonista, vivia apenas com o pai porque a mãe, desgostosa com o tipo de educação que ele pretendia dar à filha, se tinha afastado do marido sob o «pretexto» (só para a filha) de ter sido transferida para uma localidade distante. Está ficcionada com respostas dadas durante mais de dez anos de consultas a atender crianças e seus pais.
Trata da modificação do comportamento, educação e desenvolvimento da criança entre os 6 e os 18 anos.
Um transporte público tão comum como o comboio, serviu de palco de actuação para a modificação de comportamento realizada com uma criança de 7 anos de idade. Com a aprendizagem dessas técnicas, feita tanto pelo pai como pela filha, por modelagem e moldagem, um casal em vias de «des-união» deu os primeiros passos para a sua «re-união» e aumento da família.
A estratégia utilizada pelo quase psicólogo que estava a aprender a utilizar as técnicas de modificação do comportamento e que se tornou amigo da família, mostra o modo como até as crianças podem aprender a utilizar essas técnicas na vida prática do dia-a-dia.

Eu Não Sou MALUCO! (E)Maluco2
(Centro de Psicologia Clínica ISBN 978-972-725-031-8)
«Caso» do Júlio:
Relato da psicoterapia feita quase à distância com um treino inicial mínimo e muita explicação dada em mesa de café mas muita prática do próprio que se sentia frustrado por não ter conseguido estudar em tempo oportuno. Todo este trabalho do próprio redundou numa melhoria da sua situação laboral e no prosseguimento de estudos conduzindo o protagonista a uma posição profissional, social e económica invejável.

PSICOLOGIA PARA TODOS (F)Psicologia-B
(Centro de Psicologia Clínica, ISBN 978-972-725-…-.)
Noções básicas da ciência do comportamento englobando teoria, técnicas, prática, descrição de casos e previsão. Apresenta-se aqui a utilização dos conhecimentos da psicologia na vida prática e no bem-estar pessoal.
Se não encontrar este livro, pode utilizar, em sua substituição, os 5 volumes de COMO MODIFICAR O COMPORTAMENTO – teoria, prática, técnicas, «casos», previsão (Plátano Editora) ou
A PSICOLOGIA NO DIA-A-DIA (O USO SOCIAL DA PSICOLOGIA) (Clássica Editora)

PSICOPATA! Eu? (G)Psicopata-B
(Centro de Psicologia Clínica, ISBN 978-972-725-…-.)
«Caso» do Joel:
Filho de pais separados, foi educado por uma avó que o internou num colégio donde saía só nas férias. Não tinha amigos a não ser um cão que brincava com ele no pátio de recreio do internato. Começando a namorar uma rapariga «adoptada» que vivia no apartamento fronteiro ao da avó, tentou matá-la por três vezes por se sentir rejeitado e traído.
Passado algum tempo, depois de ter sido diagnosticado provisoriamente por um psiquiatra como Psicopata e de ter conseguido montar uma pequena actividade empresarial, encontrou o psicólogo que o ajudara inicialmente e perguntou-lhe, muito admirado:
– Psicopata. Eu?
E tinha toda a razão.

COMBATA A DEPRESSÃO POR SI PRÓPRIO (H)Depressão-B
(Centro de Psicologia Clínica, ISBN 978-972-725-…-.)
«Casos» da Isilda e da «nova paciente»:
A Isilda tentou suicidar-se por «males de amor» com comprimidos utilizados pela mãe, quando o namorado a trocou por outra.
Foi apoiada regularmente em ambiente hospitalar durante alguns meses. Contudo, só com o seu forte empenho em praticar em casa os exercícios de relaxamento que lhe eram recomendados, «mandou às malvas» a ideia de suicídio logo que conseguiu ter um namorado «de confiança» para constituir família.
A «nova paciente», com um nível académico muito avançado, casada, com um filho, tinha dificuldades no relacionamento conjugal.
Apesar de estar numa fase avançada de pós-doutoramento, sentia imensas dificuldades tanto na preparação da matéria como na docência.
Diagnosticada também como depressiva, sob uma forte medicação, leu a experiência da Isilda e, não podendo fazer no consultório, na totalidade, mais do que três curtos períodos entre consultas e relaxamento, foi praticando em casa os exercícios aprendidos até conseguir prescindir completamente dos medicamentos, resolver as dificuldades com o ex-marido, melhorar na esfera académico-profissional e preocupar-se com a profilaxia a fazer com o seu único filho.
Se a psicoterapia desta «nova paciente» fosse realizada individualmente apenas no consultório, ter-se-iam efectuado cerca de 30 a 40 períodos. Na situação real, com a boa compreensão e colaboração da paciente, ela despendeu o tempo de pelo menos 500 períodos de treino em casa, acrescidos de 3 períodos no consultório para atingir um resultado surpreendente.
Se não encontrar este livro pode utilizar
DEPRESSÃO? Não Obrigado! (HUGIN, ISBN 972-8310-64-5).

NEUROPSICOLOGIA NA REEDUCAÇÃO E REABILITAÇÃO (I)neuropsicologia-B
(Centro de Psicologia Clínica, ISBN 978-972-725-…-.)
Mais de 45 anos de prática na reeducação e integração de crianças deficientes estão descritos neste livro que tenta demonstrar como se podem utilizar as «ferramentas» baseadas na neuropsicologia que, mesmo sem esta designação, foi sempre utilizada para uma reeducação e integração eficaz das crianças com dificuldades.
Se não encontrar este livro, pode utilizar, em sua substituição:
SUCESSO ESCOLAR (Plátano, 2ª ed., ISBN 972-707-052-3)
APOIO PSICOPEDAGÓGICO (Plátano, ISBN 972-707-078-7)
REEDUCAR COMO? (Plátano, ISBN 972-770-208-2)

IMAGINAÇÃO ORIENTADA (J)Imagina-B
(Centro de Psicologia Clínica, ISBN 978-972-725-???-?)
Apresentação, em diálogo, dos fundamentos da prática psicoterapêutica utilizada durante mais de 35 anos. Em quase todos os «casos» apresentados, foram utilizadas as técnicas de terapia do equilíbrio afectivo e da imaginação orientada.
A descrição dos seus fundamentos, evolução, modos de actuação e resultados conseguidos, utilizando o formato de um diálogo com um amigo, destina-se a ser percebida por todos os que não têm uma formação específica em psicoterapia ou mesmo em psicologia. É fundamental que todos compreendam a razão de determinados treinos e pressupostos utilizados numa psicoterapia que pode ser muito fácil e vantajosa para o próprio, servindo também de profilaxia.
O livro também dá respostas às variadas situações de consultas de psicologia, exames de nível intelectual, personalidade, psicopatologia, neuropsicologia, selecção profissional e vocacional, apoios psicopedagógico e psicoterapêutico, psicanálise, modificação do comportamento, logoterapia, hipnose, imaginação orientada, utilização da psicologia na política, empresas, promoção e publicidade.
Esclarecem-se assim muitos dos actos praticados em Psicologia e que são mal interpretados ou desconhecidos do público em geral, desfazendo-se confusões muito comuns na nossa sociedade.
Assim, a partir duma longa conversa com um psicólogo amigo e de muitas leituras, o Antunes conseguiu dar novo rumo à sua vida apoiando a filha na reeducação e ensaiando consigo a autoterapia (B) (P).
Enquanto não encontrar este livro, pode utilizar, em sua substituição:
PARA QUE SERVE A PSICOLOGIA? (PLÁTANO, ISBN 972-770-303-8) que se refere apenas à última parte aqui mencionada.

INTERACÇÃO SOCIAL (K)Interacção-B30
(Centro de Psicologia Clínica, ISBN 978-972-725-…-.)
Noções básicas da Psicologia Social com a descrição dos fenómenos psicológicos e de interacção em grupos e em sociedade
Enquanto este livro não por publicado, existe o recurso a:
O HOMEM EM SOCIEDADE – Aspectos Psicossociológicos
(PLÁTANO, ISBN 972-707-372-7).
DO CONFLITO À GESTÃO E À DECISÃO NEGOCIADA
(PLÁTANO, ISBN 972-707-331-X).
INTERACÇÃO HUMANA (HOMEM SOCIEDADE, ORGANIZAÇÃO) (apontamentos do Centro de Psicologia Clínica)

PSICOTERAPIAS BEM SUCEDIDAS – 3 «casos» (L)Psi-Bem-C    
(Centro de Psicologia Clínica, ISBN 978-972-725-…-.)
É um livro que descreve as psicoterapias realizadas em 4 «casos» satisfatoriamente resolvidos.
O primeiro, é o «Caso» da Cristina:
A Cristina, com curso superior e uma boa profissão, filha única de pais relativamente «bem instalados na vida», tinha dificuldade em lidar com outras pessoas. Isto repercutia-se negativamente na sua carreira profissional e no relacionamento social com colegas e clientes, apesar de ela não assumir que tinha essas dificuldades.
O tempo utilizado na sua psicoterapia (dissimuladamente, em casa dela), foi de 210 horas (que seriam 420 períodos se fossem no consultório). O resultado foi muito encorajador e serviu como profilaxia para o futuro.
Se a psicoterapia individual fosse realizada apenas no consultório, com pleno consentimento, compreensão e colaboração da paciente, o número de períodos não excederia 100, em vez dos 420 períodos realizados em sua casa.
Houve necessidade de que ela praticasse o relaxamento em casa e isto deu-lhe capacidade de profilaxia e prevenção não só em relação ao casamento mas ainda em relação à educação dos futuros filhos.
O segundo, é o «Caso» da Germana:
Empregada de escritório, solteira, estava «amigada» com «tal», um indivíduo casado que a tratava com pouca deferência e de quem ela não conseguia «livrar-se» por sua própria incapacidade.
A psicoterapia foi efectuada individualmente no consultório. Para que surtisse um resultado satisfatório e duradouro, houve necessidade de fazer 44 períodos que foram acrescidos de cerca de 500 períodos de treino em casa. Se houvesse uma melhor compreensão e uma maior colaboração inicial, o número de períodos no consultório poderia ter baixado de 44 para 35. Se porventura, não houvesse treino em casa, o número de períodos no consultório seria, seguramente, superior a 100, em vez de 44.
A Germana teve de interromper a psicoterapia antes de a finalizar, por motivos de força maior, mas esses motivos foram muito bons e válidos!
O resultado foi ela deixar o «tal» e casar com outra pessoa, também com dificuldades emocionais, a quem ela conseguiu ajudar imenso na sua recuperação.
O terceiro, é o «Caso» do Januário:
O actual marido da Germana, de quem tem dois filhos, esteve muitos anos com desequilíbrios emocionais muito acentuados e sujeitou-se à quimioterapia, psicoterapia e psicanálise, ficando desiludido com toda essa experiência e com os péssimos resultados atingidos.
Sem saber mais nada a não ser as vantagens do relaxamento explicadas pela Germana, fez o equivalente a cerca de 1500 períodos de treino em casa.
Depois, mesmo sem uma compreensão adequada das causas do desequilíbrio psicológico, bastaram apenas 20 períodos no consultório, acrescidos de 30 fora do mesmo, em conversa de café, para atingir um resultado óptimo e duradouro.
Enquanto não encontrar este livro, pode utilizar, em sua substituição:
SUCESSO NA VIDA! Por que Não?
(PLÁTANO, ISBN 972-770-223-6) (Como «EDUCAR» Hoje, da Hugin).
STRESS? Reduza-o já!
(PLÁTANO, ISBN 972-707-284-4).
PSICOTERAPIA Para Quê?
(PLÁTANO, ISBN 972-707-301-8).

PSICOTERAPIAS DIFÍCEIS  (M)  Difíceis-B  
(Centro de Psicologia Clínica, ISBN 978-972-725-…-.)
Caso do «Mijão»
Um empresário de sucesso emigrado para a Venezuela ainda «molhava a cama» aos 25 anos de idade, depois de casado e com filhos. Envergonhado e sem outro recurso senão aguentar a situação, foi-se desenvencilhando até conseguir que um psicólogo o ajudasse a reduzir a sua «dificuldade» paulatinamente e com muita perseverança, socorrendo-se de muitos exemplos de outras pessoas mais jovens e com a prática que era necessária da sua parte. As técnicas de modificação do comportamento deste caso, foram utilizadas posteriormente com uma criança conhecida dum seu amigo de infância. De extrema utilidade e de fácil aplicação, são um dos meios psicoterapêuticos de maior divulgação nos Estados Unidos da América e nos países de expressão anglófona.
Caso do «Calimero»
Caso da «Perfeccionista»
Caso do «Pasteleiro»
Enquanto não encontrar este livro, pode utilizar, em sua substituição:
MOLHAR A CAMA NÃO INTERESSA!
(PLÁTANO, ISBN 972-707-311-5).

COMPORTAMENTO NAS ORGANIZAÇÕES (N)Organizar-B
(Centro de Psicologia Clínica, ISBN 978-972-725-…-.)
A utilização dos conhecimentos da Psicologia Social é extremamente necessária tanto na interacção social como no comportamento organizacional. É o que se vai discutir ao longo das páginas deste livro que trata das falhas organizacionais e dos mecanismos apropriados para que numa empresa se possam utilizar os conheci-mentos da Psicologia para o bem-estar de todos, complementado pela alta produtividade dos seus membros.
No funcionamento do marketing e da venda, também se torna importante utilizar os mecanismos de interacção e «influência».
Todo o «produto» destina-se a ser consumido e, para tal, deve ser apresentado ao consumidor com o realce de todas as suas virtua-lidades. Se o vendedor ajudar o comprador a escolher bem o produto que mais lhe interessa, não será este um modo de «fidelizar» a clien-tela?
Por fim, o sindicalismo, bem constituído, alargado a todos os trabalhadores e a defender os seus direitos e regalias em conjugação com o patronato, deve ser um dos meios de defender e ajudar a apoiar uma classe que é de extrema importância tanto para o bem-estar social como material no mundo actual.
Enquanto não encontrar este livro, pode utilizar, em sua substituição:
FALHAS ORGANIZACIONAIS (Clássica Editora, ISBN 972-561-261-2).
HUMANISMO NA GESTÃO – Eficiência e Produtividade
(Clássica Editora, ISBN 972-561-235-3).
MARKETING E VENDA (Clássica Editora, ISBN: 972-561-271-5 )
SINDICALISMO. Que Futuro? (Clássica Editora, ISBN: 972-561-240-X )

RESPOSTAS sobre PSICOLOGIA (O)Respostas-B30
(Centro de Psicologia Clínica, ISBN 978-972-725-???-?)
Conjunto de respostas dadas verbalmente ou por escrito, como num consultório ou em conversa informal, para esclarecer pessoas interessadas em saber algo sobre fenómenos e dificuldades psicológicas, psicopatológicas, défices, reeducação, psicopedagogia e psicoterapia.

AUTO{psico}TERAPIA (P)
(Centro de Psicologia Clínica, ISBN 978-972-725-032-5)
Manual explicativo, resumido, conciso e ordenando com os procedimentos necessários para que cada um faça a sua mario-70psicoterapia de forma autónoma ou com pouca intervenção do psicólogo.
Destina-se a resolver alguns problemas psicológicos orientando os passos necessários para uma recuperação ou remissão total.
Está seccionado em três partes.
rólogo
1ª parte       Registo de Autoavaliações
Relaxamento Muscular
Relaxamento Instantâneo
Diário de Anotações
Autoanálise
Relaxamento mental
Imaginação Orientada
2ª parte       Continuação da AutoTerapia
E no futuro?
Prevenção e Profilaxia
3ª parte       Provas de Autoconhecimento
Resumo do Conteúdo das Obras Indicadas
Bibliografia

A primeira parte, que termina no capítulo “Imaginação Orientada”, destina-se essencialmente a quem deseja tentar resolver rapidamente o seu problema sem se importar com uma recaída futura.
A segunda parte, a iniciar no capítulo “Continuação da AutoTerapia”, é dedicada aos que desejam resultados sólidos e duradouros e querem ficar prevenidos pensando no futuro.
A terceira parte, a começar no Resumo do Conteúdo das Obras Indicadas, fica reservada a quem pretende ajudar-se a si próprio, além de proporcionar um bom ambiente à sua volta, difundindo os novos conhecimentos adquiridos, bem como as experiências vividas.
Por fim, as Anotações relembram sequencialmente tudo o que é necessário para uma boa recuperação e divulgação desta técnica.
Embora grande parte da matéria contida neste livro tenha sido quase toda explanada resumidamente em várias publicações, a sua conglomeração neste livro, destina-se a coordenar, ordenar e resumir o essencial numa psicoterapia orientada por cada um.

Todas estas publicações podem ser adquiridas
contra reembolso através dos CTT, mediante envio de pedidosarvore
para o e-mail: mariodenoronha@gmail.com
ou solicitadas através de comentário, com endereço, neste blog
[https://psicologiaparaque.wordpress.com/]

Já leu os comentários?

Ver post LIVROS DISPONÍVEIS

É aconselhável consultar o ÍNDICE REMISSIVO
de cada livro editado em post individual

Blogs anteriores:

PSY FOR ALL (desactivado) [http://www.psyforall.blog.com]

PSICOLOGIA PARA TODOS [http://psicologiaparaque.blogspot.pt/]

Para tirar o máximo proveito deste blog, consulte primeiro o post inicial “História do nosso Blog, sempre actualizada”, de Novembro de 2009 e escolha o assunto que mais lhe interessa. Depois, leia o post escolhido com todos os comentários que são feitos. Pode ser que descubra também algum assunto acerca do qual nunca tivesse pensado.

Para saber mais sobre este blog, clique aqui.

Anúncios

Single Post Navigation

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: