PSICOLOGIA PARA TODOS

BLOG QUE AJUDA A COMPREENDER A MENTE E OS COMPORTAMENTOS HUMANOS. CONSULTA-O E ESCREVE-NOS, FAZ AS PERGUNTAS E OS COMENTÁRIOS QUE QUISERES E COLABORA PARA MELHORAR ESTE BLOG. «ILUMINA» O TEU PRÓPRIO CAMINHO OU O MODO COMO FAZES AS COISAS…

REFLEXÃO SOBRE UMA PSICOTERAPIA 2

BiblioDepois de fazer o post Reflexão sobre uma psicoterapia, recebi da colega o seguinte complemento da informação dada anteriormente:

“A paciente possui um quadro depressivo, passa grande parte do tempo dormindo, não tem muita iniciativa, sabota o tratamento, muitas vezes não gosta de ver que está progredindo, faz coisas que vão contra o que é combinado no consultório, tentando manipular a terapia e jogando a responsabilidade pra mim. Tenho tentado mostrar a ela que percebo tudo isso e que isso não funcionará comigo, como funcionou com outros psicólogos.
Ela é muito dependente da mãe, apesar de insultá-la e maltratá-la. Apresenta muitos pensamentos
mario-70invasivos, principalmente em relação a ter relações sexuais com o pai, apesar dele não dar motivos para isso.

Ela costuma se ligar às pessoas que dão atenção a ela de forma desproporcional e espera sempre muita atenção das pessoas.
Diante de tudo isso, desconfiei de um Transtorno de Personalidade Dependente ou Histriônica, mas isso ainda deve ser melhor investigado.
Ela não tem irmãos, os pais são muito tranquilos e próximos, possui alguns tiques e problemas na fala, mas isso não foi tratado, usava antidepressivo, mas foi suspenso pela psiquiatra e hoje não usa nenhum tipo de medicamento (quando usava, sabotava o tratamento e tomava doses menores ou deixava de tomar), a psiquiatra não deu o diagnóstico. Os pensamentos negativos são sentidos e verbalizados por ela.

 Neste caso, provavelmente, será necessário fazer o teste de RORSCACH ou até MMPI e quaisquer outros para saber se não existe, de facto, componente psicótica e descobrir qual a interacção familiar, as aprendizagens feitas anteriormente e se ela recebe reforço com o seu comportamento de «não-colaboração».

Se for uma neurose, deve ser necessário fazer psicoterapia utilizando os pais dela para «manipular» toda a situação e empregando essencialmente  o reforço do comportamento incompatível.
Se os pais também quiserem que ela tenha uma vida mais ou menos aceitável, sem ter de depender de outros que, provavelmente, não a quererão «aturar», têm de entrar no jogo, porque parece que ela aprendeu a ser como no ambiente Interacção-B30que teve e continua a ter em casa (ver Psicoterapia Votada ao Fracasso, de 20Jan11). Neste caso, foi uma saciação (flooding) natural (na Itália), sem psicoterapia e sem possibilidades de fuga (resolução do conflito entre especializar-se em arquitectura e andar em transportes públicos para um futuro brilhante ou não andar em transportes públicos, mas não se especializar).

Se a JOANA não fosse «controlada» em tempo oportuno e se os pais também não tivessem mudado o seu comportamento de interacção entre si e com a Joana, provavelmente, seria uma adolescente problemática e uma adulta desorientada.
Joana-BAgora, depois de aprender a utilizar com o irmão mais novo as técnicas de modificação do comportamento, ela consegue «controlar» a sua família nova duma maneira saudável e agradável para todos. Vai fazer com que os filhos aprendam a enfrentar dificuldades e ultrapassá-las por sua iniciativa. Depois, vai tentar reforçá-los com os êxitos obtidos.

– Se, por acaso, a menina deste «caso» não é psicótica, não estará a «controlar» ou «desorientar» os pais tirando daí reforço secundário?
– Que tipo de educação e comportamentos teve até ao momento de entrar em depressão?
– Porquê?arvore

Esperemos que uma mudança de táctica dê bom resultado.

Já leu os comentários?

Ver post LIVROS DISPONÍVEIS

É aconselhável consultar o ÍNDICE REMISSO
de cada livro editado em post individual

Blogs anteriores:

PSY FOR ALL (desactivado) [http://www.psyforall.blog.com]

PSICOLOGIA PARA TODOS [http://psicologiaparaque.blogspot.pt/]

Para tirar o máximo proveito deste blog, consulte primeiro o post inicial “História do nosso Blog, sempre actualizada”, de Novembro de 2009 e escolha o assunto que mais lhe interessa. Depois, leia o post escolhido com todos os comentários que são feitos. Pode ser que descubra também algum assunto acerca do qual nunca tivesse pensado. 

Para saber mais sobre este blog, clique aqui

Anúncios

Single Post Navigation

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: