PSICOLOGIA PARA TODOS

BLOG QUE AJUDA A COMPREENDER A MENTE E OS COMPORTAMENTOS HUMANOS. CONSULTA-O E ESCREVE-NOS, FAZ AS PERGUNTAS E OS COMENTÁRIOS QUE QUISERES E COLABORA PARA MELHORAR ESTE BLOG. «ILUMINA» O TEU PRÓPRIO CAMINHO OU O MODO COMO FAZES AS COISAS…

RESPOSTA 31

Li o seguinte comentário, feito ontem por um Anónimo no post AUTOTERAPIA 4:Biblio

“Eu tive um acidente de viação logo que acabei de tirar a carta. Depois, fiquei sem carro durante muito tempo porque não tinha dinheiro para reparações e a culpa tinha sido minha.
O seguro não dava cobertura para reparações no meu carro.
Agora que o consegui mandar reparar, fico com medo de condu-zir e parece que me desorientado por completo.
Tenho imenso medo.
Há alguma coisa que possa fazer além de me meter no carro e tentar outra vez?”

O que posso responder, ao correr da pena é o seguinte.Psicopata-B
No seu caso, sem saber mais nada a seu respeito, se não houver outros problemas antigos associados, deve ser importante fazer-lhe uma dessensibilização.
E se houver outros problemas? A dessensibilização não é suficiente e pode haver substituição de sintomas, que aparentam ser mais aceitá-veis do que o seu medo actual mas que também são alienantes.

Não estando a fazer uma consulta directa, o que posso recomendar, é que não tente meter-se no carro para conseguir desistir logo de seguida. Pode aumentar o medo anterior, especialmente se ficar associado a qualquer outro sinal que possa funcionar como uma associação antecipada daquilo que lhe ocasiona o medo.Acredita-B

Por isso, quando se meter no carro, o importante é não poder «fugir» dele, conseguindo livrar-se do mesmo ou da condução como o diabo da cruz, ou dando um suspiro de alívio quando terminar a viagem.

Se, por acaso isso acontecer, pode haver reforço secundári0 negativo que irá aumentado, cada vez mais, de forma exponencial até o deixar desorientado ou a sentir outros sintomas que, aparentemente, podem nada ter a ver com a dificuldade ou medo de condução.
Consegui-BJulgo que não é isso que pretende.

Se não tem a possibilidade de fazer uma psicoterapia acompanhado, sugiro que leia com atenção neste blog os muitos posts sobre:

Autoterapia
Psicoterapia
Reforço
RespostaPsicologia-B
Tente compreender bem como funciona o reforço, especialmente o reforço secundário negativo aleatório, bem como os sinais antecedentes (F).

Se ler alguns livros, com «casos» concretos, que já foram publicados e que estão mencionados nesses posts que já indiquei, pode desco-brir o que fizeram os outros em situações semelhantes, embora pos-sam não se relacionar com o medo de conduzir.

Antes de tudo, juntamente com as leituras recomendadas, julgo que vale a pena praticar o relaxamento muscular.
Quando conseguir fazer isso com à vontade, tente o relaxamentoMaluco2 mental e a evocação de recordações agradáveis.
Depois, tente relembrar o acidente, o modo como aconteceu, as suas causas e, se possível, o modo como o poderia ter evitado.
Para maior economia de tempo e melhoria de resultados, é sempre bom fazer estes exercícios à hora de dormir. Acabe sempre a sessão com recordações agradáveis se ainda não estiver a dormir. Se ficar a dormir, não faz mal porque o início do relaxamento com uma palavra- chave ou com uma música sempre a mesma, funcionando como sinal condicional, deve dar resultado após algumas semanas de prática.
Utilize a imaginação orientada (J) para ver claramente a situaçãoImagina-B numa espécie de ecrã à sua frente. Se fosse outra pessoa a ter o acidente, quais as recomendações que lhe faria? Continue com o exercício imaginando que era o próprio condutor.
Seria capaz de seguir essas recomendações?
Sendo capaz, se a situação fosse pior, o que faria?
Utilize várias noites para pensar maduramente no assunto, em rela-xamento, e verifique se consegue estar relaxado depois de todas essas lembranças ou «reconstituições». Estar relaxado depois dessas recordações é muito importante.

Apenas no caso de conseguir estar completamente calmo,  como provavelmente, está a viajar, sem receio, com outros condutores, eDepressão-B como já tem licença para conduzir, veja se consegue que alguém o acompanhe nas suas novas conduções em locais pouco movimentados. Veja se consegue sentir-se calmo.
Só quando se sentir seguro, «relaxado» e à vontade, acompanhado, pode começar a conduzir sozinho.
Só depois, com a sua nova forma de conduzir, pode continuar por novos caminhos mais complicados.

Não é recomendável que se tente meter no carro sem ter a certeza de estar apto a conduzir à vontade e relaxado e sem possibilidade de «fuga». Caso contrário o «medo» pode aumentar.

Esta ideia de se meter no carro sozinho devia ter acontecido, imedia-tamente após o acidente, sem possibilidades de fuga e com Saude-Ba satisfação final de ter conseguido conduzir melhor.
É o que se fazia, na Inglaterra, com os pilotos recém-formados aci-dentados, nos tempos de II Guerra Mundial.

Bom seria que estas noções sobre os mecanismos do comportamen-to fossem amplamente difundidas em grupos de pessoas que neces-sitam das mesmas para terem uma vida melhor.
É exactamente para dar essas noções que estou a manter os blogs e vou procurar publicar os livros, quando houver interessados nisso.

Embora esteja a pensar numa colecção de 16 livros, reorganizandotodos os que foram publicados e outros novos, por enquanto, mario-70estou a pensar só no AUTOTERAPIA (P), quando houver inscrições suficientes para a sua publicação. Quem quiser inscrever-se tem as indicações no link abaixo.
Já leu os comentários?

Clique em BEM-VINDOS

Ver também o post LIVROS DISPONÍVEIS

É aconselhável consultar o ÍNDICE REMISSIVO de cada livro editado em post individual.arvore-2

Blogs relacionados:

TERAPIA ATRAVÉS DE LIVROS [http://livroseterapia.wordpress.com/]

PSICOLOGIA PARA TODOS (o antigo) [http://psicologiaparaque.blogspot.pt/]

Para tirar o máximo proveito deste blog, consulte primeiro o post inicial “História do nosso Blog, sempre actualizada”, de Novembro de 2009 e escolha o assunto que mais lhe interessa. Depois, leia o post escolhido com todos os comentários que são feitos. Pode ser que descubra também algum assunto acerca do qual nunca tivesse pensado.

Para saber mais sobre este blog, clique aqui

Anúncios

Single Post Navigation

2 thoughts on “RESPOSTA 31

  1. Tenho 22 anos e alguns medos. Por isso, li os seus postes sobre autoterapia e psicoterapia e comecei a fazer relaxamento.
    As coisas de que me tenho lembrado como num flash, quando faço o relaxamento e estou a dormir ou mesmo quando estou nos transportes ou carro e vou pensativo são estas:

    1. Estava a passar pelo poli desportivo perto da minha casa e lembrei-me que quando era mais novo ia lá nas férias de verão durante um mês e ficávamos a fazer desporto, jogos, mas em certa altura tive medo de ir porque me queixava da barriga e pensava que era apêndice. Mas, era só medo sem saber a razão…

    2. Quando vou no comboio tenho “receio”…e a única coisa que me vem à cabeça são dois acidentes de comboio em Caxias e Algés quando estava em Lisboa. Com medo, não fui de comboio e aproveitei uma boleia porque ia fazer exame.

    3. Às vezes lembro-me das “imagens” das guerras com o meu pai que me castigava deixando-me num quarto pequeno e escuro.

    4. Também me lembro do colégio, dos passeios na quinta, de me ensinarem a comer cana de açúcar, das pinturas de quadros, das mini feiras dos alunos com coisas em 2ª mão, os primeiros computadores com jogos em quadrados, coisas assim…

    5. Quando vejo notícias de jovens, mais ou menos da minha idade, que morrem por alguma coisa no coração, as vezes fico pensativo e com medo do que me pode acontecer…

    Será medo de quê? Pode dar-me alguma ajuda em relação a isto?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: