PSICOLOGIA PARA TODOS

BLOG QUE AJUDA A COMPREENDER A MENTE E OS COMPORTAMENTOS HUMANOS. CONSULTA-O E ESCREVE-NOS, FAZ AS PERGUNTAS E OS COMENTÁRIOS QUE QUISERES E COLABORA PARA MELHORAR ESTE BLOG. «ILUMINA» O TEU PRÓPRIO CAMINHO OU O MODO COMO FAZES AS COISAS…

Archive for the month “Outubro, 2019”

AMEAÇA DE SUICÍDIO

Este post publicado em 4 de Agosto de 2008, deveu-se a um e-mail enviado por um senhor que se intitulou Nuno.

Soube que tem um blog para dar algumas informações das quais as pessoas possam necessitar.
Oxalá que a minha pergunta possa ser respondida em tempo oportuno.
Depois de um ano de intenso trabalho sem qualquer descanso, penso ausentar-me, em princípio de Setembro, para passar férias com o meu único filho Marco, de 15 anos, num local bem longe da minha residência.
No entanto, tenho um súbito problema, muito grave, em relação ao meu filho que me traz extremamente preocupado.
Há cerca de 3 meses, fui informado que o rendimento escolar do Marco baixou consideravelmente em quase todas as disciplinas do 10° ano que frequenta.
O seu comportamento tornou-se bastante estranho neste último trimestre.
Para tornar tudo ainda mais difícil, mesmo em casa, o Marco, nestas últimas semanas, facilmente se irrita e ameaça frequentemente que se vai suicidar.
Nas férias que vamos passar juntos e no local que escolhi, certamente ele vai encontrar alguns dos seus amigos e eu receio muito que possa vir a acontecer qualquer coisa desagradável.
Ficaria um pouco mais aliviado se me pudesse dizer o que fazer e como me comportar para que durante os próximos dias eu possa acompanhar o Marco mais de perto.
Por favor, responda-me o mais rapidamente possível.
Estou muito ansioso e desesperado.
Pode-me chamar Nuno.”
 
 

Caro Senhor Nuno,

Acabei de ler o seu e-mail de ontem à noite e, por causa da gravidade da situação, apresso-me a responder, embora de pouco possa servir enquanto não eu tiver outras informações mais importantes e necessárias do que aquelas que me deu.
O seu «caso» é para ser tentado resolver em uma ou mais consultas de psicologia ou com o apoio psicoterapêutico.

Contudo, como me parece que a sua maior aflição é «aguentá-lo» no tempo das férias, vou dar algumas indicações que talvez possam ser úteis.
Antes de tudo, pela sua carta não fico a saber porque é que vai de férias só com o filho.
A esposa não vai?
Estão separados ou em vias de separação?
Ela faleceu?
Aconteceu qualquer outra coisa de importante e «traumatizante» na vossa vida (especialmente do filho) nos últimos tempos?
O filho não tinha indícios do comportamento que agora apresenta?
As suas notas tinham sido sempre melhores do que as actuais?
Existe alguém no vosso círculo familiar mais próximo que tenha ideias de suicídio ou faça ameaças deste tipo?

Tudo isto tem de ser bem estudado, escrutinado, avaliado e relacionado com o contexto actual para lhe ser dado o devido «valor» ou «importância».
Só depois, poderá obter uma resposta válida.
Se me quiser enviar estes dados e quaisquer outros que possam parecer relevantes, talvez o consiga ajudar, mas vai demorar algum tempo.

Entretanto, pela avaliação muito superficial que faço da sua carta ou e-mail, posso dizer-lhe que me pareceu o senhor estar separado ou em vias de separação nestes últimos tempos e que tudo isto está a influenciar negativamente o seu filho.
Sem me apresentar outros dados concretos sobre a vossa vivência familiar não lhe posso dar outra ajuda a não ser indicar o caso relatado nas páginas 67 a 74 do livro SUCESSO NA VIDA! Por Que Não? ou o seu antecedente «Como”EDUCAR”Hoje», da Hugin.

Se ler o «caso» do Manuel, pode tirar dai as suas conclusões e experimentar novos modos de actuação.
Além disso, como vai de férias, se não tiver tempo ou possibilidades de ir a uma consulta de Psicologia, posso aconselhá-lo a ler os livros relacionados com a Joana:
– Como Compreender as crianças  
– Adolescência: idade critica?
– Preparação para a Maternidade  
– Como Educar as Crianças
e tirar dai algumas ilações que possam servir para o seu caso.

Os 5 volumes relacionados com Como Modificar o Comportamento também podem ter a sua utilidade como leitura de férias e aprendizagem em ambiente calmo.
Até podem ajudar a fazer experiências como aconteceu com a Joana.
Com a resposta que estou a dar, resta-me esperar pelas suas informações complementares, «essenciais», ou desejar boa sorte por ter acertado na hipótese que acabei de colocar.
Em qualquer das hipóteses, Bom Sucesso.

Para melhor contacto quanto aos livros, consultas e demais informações vou dar as referências que me parecem ser úteis e que também podem ser obtidas sempre neste blog, no post com o título INFORMAÇÃO.

 

 
Presentemente, em 2019, posso dizer que o primeiro livro citado pode ser adquirido na sua versão inicial «Como «EDUCAR» Hoje», da Hugin, embora exista o plano de publicar, quando possível “PSICOTERAPIAS BEM-SUCEDIDAS: 3 «casos»(N), no âmbito de colecção dos 18 livros da Biblioterapia.

Os quatro livros citados a seguir, relacionados com a JOANA, já estão conglomerados em «JOANA, a traquina ou simplesmente criança?» (D), já publicado.

Os livros relacionados com a Modificação do Comportamento, serão conglomerados no novo livro «PSICOLOGIA PARA TODOS» (F), da colecção já citada, podendo ser utilizados os antigos, da Plátano.

Também posso fazer uma recomendação muito importante.
Os pais devem ser equilibrados e dar exemplos dos comportamentos necessários e, para isso, existem livros que podem ajudar para que os filhos não sofram aquilo que o Júlio (E) e o Joel (G) sofreram.

Já leu os comentários? Visite-nos também no Facebook.

Para adquirir quaisquer livros que escolher clique aqui.

Ver também os posts anteriores sobre BIBLIOTERAPIA

É aconselhável consultar o ÍNDICE REMISSIVO de cada livro editado em post individual.

 

Blogs relacionados:
TERAPIA ATRAVÉS DE LIVROS para a Biblioterapia
PSICOLOGIA PARA TODOS (o antigo)

Para tirar o máximo proveito deste blog, consulte primeiro o post inicial “História do nosso Blog, sempre actualizada”, de Novembro de 2009 e escolha o assunto que mais lhe interessa. Depois, leia o post escolhido com todos os comentários que são feitos. Pode ser que descubra também algum assunto acerca do qual nunca tivesse pensado.

Para saber mais sobre este blog, clique aqui

 

DIFICULDADES ESCOLARES

Este post, publicado em 29 de Julho de 2008 foi originado pelo comentário seguinte:

“Sentimos grande falta com o desaparecimento do TIL, de Portimão, onde eram dadas algumas informações que nos interessavam.
Porém, através de pessoas conhecidas soubemos que existe este blog para uma finalidade semelhante.
Estamos a dar aulas perto de Albufeira e interessa-nos saber de que maneira poderemos ajudar as crianças que tiverem dificuldades de aprendizagem especialmente relacionadas com a leitura e escrita, não por causa de ambientes sociais menos favorecidos mas por deficiências na sua componente neuropsicológica.
Somos um grupo de professores que se entreajudam mutuamente especialmente quando não existe qualquer psicólogo que dê apoio na escola ou que não tenha tempo suficiente para atender todas as crianças com dificuldades até ao 9° ano.
Os pais, às vezes, insistem e uma simples explicação não é suficiente nem eficaz.
Estamos em férias que, este ano, serão passadas em casa devido a dificuldades financeiras.
Vamos aproveitar o tempo para aprender qualquer coisa que, se não der um ligeiro suplemento financeiro, nos proporcione, pelo menos, alguma satisfação durante o próximo ano lectivo.”

Recebi a carta e vou tentar responder da maneira que me é possível.
Em primeiro lugar, posso dizer que seria bom que houvesse um técnico que fizesse a avaliação das dificuldades da criança com provas psicológicas.

Seria importante que essa avaliação fosse qualitativa e quantitativa utilizando, pelo menos, a escala de avaliação de 11 pontos apresentada na pag. 96 de «REEDUCAR COMO?»
Se houver uma avaliação feita com provas psicológicas, esse livro pode dar uma ajuda na transposição dos resultados apresentados.

O mesmo livro (além das páginas 47 a 66) também indica o modo corno podem ser utilizados os dois livros SUCESSO ESCOLAR e APOIO PSICOPEDAGÓGICO, que contém grande parte de modelos de exercícios a serem utilizados com as crianças e a maneira de abordar diversos tipos de problemas.

Nestes livros, está abordada grande parte da técnica psicológica da reeducação a ser utilizada, apresentando casos concretos, cujo progresso está devidamente avaliado.

Se houver necessidade de aprofundar noções sobre modificação do comportamento, existem 5 pequenos volumes dedicados a este tema, na PLÁTANO EDITORA, que também publicou, os restantes três livros.

Desejo o maior sucesso a este grupo de professores.

Para melhor contacto quanto aos livros, consultas e demais informações vou dar as referências que me parecem ser úteis e que também podem ser obtidas sempre neste blog, no post com o titulo INFORMAÇÃO.

 

Presentemente, em 2019, ainda não se conseguiu publicar «Neuropsicologia na Reeducação e Reabilitação» (I) e «Psicologia Para Todos» em dois livros novos projectados para a colecção Biblioterapia  (F), com a reorganização, actualização, ampliação e agrupamento de qualquer dos livros antigos.

Por isso, os interessados terão de se socorrer dos livros antigos, aqui mencionados.

Contudo, existem já vários livros publicados, um dos quais «JOANA, a traquina ou simplesmente criança?» (D) que apresenta, em linguagem simples e com exemplos de aplicação prática, os diversos conceitos e técnicas do funcionamento do comportamento humano para a sua modificação eficaz.

O modo de conseguir obter os livros está indicada a seguir.

Já leu os comentários? Visite-nos também no Facebook.

 Para adquirir quaisquer livros que escolher clique aqui.

Ver também os posts anteriores sobre BIBLIOTERAPIA

É aconselhável consultar o ÍNDICE REMISSIVO de cada livro editado em post individual.

Blogs relacionados:
TERAPIA ATRAVÉS DE LIVROS para a Biblioterapia
PSICOLOGIA PARA TODOS (o antigo)

Para tirar o máximo proveito deste blog, consulte primeiro o post inicial “História do nosso Blog, sempre actualizada”, de Novembro de 2009 e escolha o assunto que mais lhe interessa. Depois, leia o post escolhido com todos os comentários que são feitos. Pode ser que descubra também algum assunto acerca do qual nunca tivesse pensado.

Para saber mais sobre este blog, clique aqui

ESCLARECIMENTO

Este post, de 22 de julho de 2008, foi originado pelo comentário seguinte, feito por um anónimo no post lNFORMAÇÃO:

“Li o seu blog que me pareceu destinado mais a impingir os seus livros do que a esclarecer as pessoas”

 

Em relação ao comentário recebido enquanto estava a preparar uma resposta para a pergunta duma professora, tenho imensa pressa em esclarecer o seguinte:

1- Ninguém obrigou o comentador a consultar o blog em relação ao qual tem o direito de discordar, quer quanto ao formato, quer quanto ao conteúdo, quer ainda no que respeita às ideias nele expressas.
Contudo, acho que não tem razão quanto a eu tentar «impingir» os meus livros.

2- As pessoas que conhecem o blog, ou até algumas que ainda não o conhecem, pedem-me informações que vou dando à medida que posso e consigo ter conhecimento das mesmas.

3- Não me posso alongar muito nessas informações porque ocuparia muito espaço em texto e em tempo, do qual não disponho em grande quantidade.

4- Por isso, tendo de me socorrer dos exemplos que já vivi e que conheço melhor do que os outros, nada mais natural do que citar aquilo que já está escrito e publicado.
Poderei, algum dia, conhecer os livros dos outros melhor do que os meus?
Que venha a primeira pessoa a demonstrar isso!

5- No blog, dou a indicação dos livros que me parecem úteis e os locais e formas de os adquirir, se a pessoa os quiser consultar sem ter de recorrer a uma biblioteca.
Nunca propus que os «comprassem» embora urna pequena parte do produto da venda possa eventualmente reverter a meu favor como acontece com muitos autores «best-sellers» cujos livros são constantemente divulgados e «propagandeados» nos vários meios de comunicação social.
Não é nenhum segredo!

6- Além disso, sou criticado, em sentido inverso, por não divulgar devidamente os meus livros, como deve ter lido na carta do próprio Sr. Franklin dos Anjos.
Isso não acontece com esses autores que acabei de mencionar.
A diferença fundamental é que estou mais interessado em que as pessoas utilizem, na prática, as experiências pessoais neles divulgadas, lendo-os em qualquer biblioteca, do que comprando-os, apenas para eu receber, eventualmente, mais direitos de autor.

7- Com esta ideia em mente, acabei de responder a uma professora que me pediu alguns conselhos sobre o comportamento a adoptar com um aluno «irrequieto» (e mal educado?).
Como queria que eu lhe respondesse?
Queria que não lhe desse exemplos práticos falando das minhas experiências pessoais?
Como poderia fazer isso sem qualquer indicação sobre os meus livros?
Que suporte bibliográfico iria indicar?

8- Não posso concordar com o seu comentário embora tenha o direito de o fazer e que eu lhe fique agradecido por o ter feito.
Isto quer dizer que, mesmo não concordando comigo, existem pessoas interessadas no meu blog e no seu conteúdo.

9- Tudo isto me fez lembrar a resposta dada por Eunice Caeiro, com o título Quando ao espelho nos vemos, aquilo que observamos é a imagem do que somos!, no n° 22 do jornal PARQUE, do Centro de Bem-Estar Social de Queluz, em Setembro de 1979, a um médico que se insurgiu contra a coluna dela intitulada O Ensino que Temos.

 

Comentário:
Tenho pena que algumas pessoas possam distorcer algumas intenções dos outros.
Eu até venho pedir que, se possível, no post INFORMAÇÃO ou em local semelhante, apresente as capas de alguns livros que não se vêem expostos nem guardados nas prateleiras das livrarias.
É necessário descobri-los de outra forma, como aconteceu com as indicações dadas por uma amiga minha e que redundou no post que me satisfez imenso.
Já li dois livros e quero saber que livros mais existem para poder apreender os conhecimentos, com exemplos do que já aconteceu com os outros.
Sou a professora do 3º ciclo que já teve direito a uma resposta, tal como o Sr. Franklin dos Anjos, que pode ser completada com as capas dos livros.   

Actualmente, em 2019, posso dizer que os 18 livros da nova colecção BIBLIOTERAPIA, quando são publicados, não ficam em qualquer livraria e tem de me ser directamente solicitados pessoalmente ou através do meu e-mail [mariodenoronha@gmail.com],  a fim de os receber pessoalmente ou pelo correio.

Já leu os comentários? Visite-nos também no Facebook.

Para adquirir quaisquer livros que escolher clique aqui.

Ver também os posts anteriores sobre BIBLIOTERAPIA

É aconselhável consultar o ÍNDICE REMISSIVO de cada livro editado em post individual.

Blogs relacionados:

TERAPIA ATRAVÉS DE LIVROS para a Biblioterapia

PSICOLOGIA PARA TODOS (o antigo)

Para tirar o máximo proveito deste blog, consulte primeiro o post inicial “História do nosso Blog, sempre actualizada”, de Novembro de 2009 e escolha o assunto que mais lhe interessa. Depois, leia o post escolhido com todos os comentários que são feitos. Pode ser que descubra também algum assunto acerca do qual nunca tivesse pensado.

Para saber mais sobre este blog, clique aqui

Post Navigation

%d bloggers like this: